Notícia

Você pode ser santo, aí onde está

Torino (Itália) Immagine correlata a Você pode ser santo, aí onde está

Turim (Itália). No dia 6 de setembro de 2019 as comunidades educativas das Filhas de Maria Auxiliadora do Piemonte e do Vale d’Aosta (IPI) se encontraram, no Teatro de Valdocco, em Turim, para refletir sobre a proposta pastoral que animará o ano 2019-2020.

O lema escolhido em nível nacional pelas equipes conjuntas dos Salesianos e Filhas de Maria Auxiliadora é “Você pode ser santo #aíondeestá”, unindo-se ao convite dirigido aos jovens pelo Papa Francisco na exortação apostólica pós-sinodal “Christus vivit”, uma carta que “encoraja a crescer na santidade e no compromisso com a própria vocação”.

Os 600 participantes, entre leigos e religiosas, ouviram as palavras de Pe.Rossano Sala, Secretário Especial para a XV Assembleia Geral Ordinária do Sínodo dos Bispos. O Relator exortou os presentes a uma santidade contagiosa com as palavras do documento final do Sínodo: “Nós devemos ser santos para podermos convidar os jovens a sê-lo também. Os jovens têm clamado por uma Igreja autêntica, luminosa, transparente, alegre: somente uma Igreja dos santos pode atender a essas demandas!” e focalizou “as cinco características da santidade que deveriam caracterizar-nos: suportação, paciência e doçura, alegria e senso de humor, audácia e fervor; em comunidade; em constante oração”, como indicou o Papa Francisco na Christus vivit.

Os programas pastorais dos vários âmbitos educacionais da Inspetoria do Piemonte e Vale d’Aosta das FMA serão baseados nessas diretrizes e adaptados a todas as faixas etárias, para que a mensagem do Papa Francisco possa chegar a todos, grandes e pequenos, e “através da santidade dos jovens a Igreja possa renovar o seu ardor espiritual e o seu vigor apostólico”.

A Inspetora, Ir. Elide Degiovanni, concluiu o dia dizendo aos presentes: “Pode-se crer em nossa vida não porque damos bons exemplos, mas porque somos testemunhas. Humanizamos a proposta cristã fazendo-a transparecer da nossa vida. O nosso ano pastoral inicia verdadeiramente com este impulso! Peçamos a Maria que nos sustente em preservar, alimentar, fazer crescer a nossa vocação de adultos credíveis e de sermos ajudados a acompanhar os jovens em seu crescimento vocacional”.

0 Comentários Escrever comentário

    Sem comentários
  • Escrever comentário