Multimedia

Pastoral Universitária

Immagine correlata a Pastoral Universitária

O Setor Universidades da Comissão Episcopal Pastoral para a Cultura e Educação da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) promoveu o 3° Curso para Agentes da Pastoral Universitária, na cidade do Rio de Janeiro. O evento de abrangência nacional foi coordenado pelo assessor padre Danilo Pinto, e a equipe da Pastoral Universitária da Arquidiocese de São Sebastião do Rio de Janeiro. Os participantes do curso eram oriundos das diversas regiões do país. Docentes, universitários, sacerdotes e diáconos se reuniram para rezar, refletir, compartilhar experiências, avaliar a caminhada percorrida e refletir sobre a atuação da Pastoral universitária no Brasil. Destaca-se a mensagem do bispo presidente da Comissão, solicitando que fossem realizadas partilhas de experiências e, com base nas orientações do Papa Francisco, encorajou a pastoral universitária a ser uma igreja em saída e mais ousada. O arcebispo do Rio de Janeiro, Dom Orani Tempesta, se fez presente e comentou que a pastoral universitária é uma pastoral de fronteira e ressaltou a necessidade do diálogo entre a Igreja e o ambiente universitário.
A Inspetoria Nossa Senhora da Penha (BRJ) se fez presente no encontro com representantes de suas duas instituições de ensino superior, o ISECENSA (Institutos Superiores de Ensino do Centro Educacional Nossa Senhora Auxiliadora - Campos dos Goytacazes) e a FSMA (Faculdade Salesiana Maria Auxiliadora - Macaé). Por parte do ISECENSA, estavam Paula Márcia Seabra de Souza e Juliana Garcia Botacini . Em nome da FSMA, Gabriel Augusto Sousa e André Rodrigues Pereira que partilharam experiências pastoral universitária, realizadas nas duas instituições superiores.
Temas tratados ao longo do curso: "O atual cenário do Ensino Superior no Brasil: tendências e desafios" pelo professor Rodrigo Félix, da Universidade Estadual da Zona Oeste; "Os três eixos da Pastoral Universitária em uma visão global", pelo professor O professor Humberto Contreras, da Faculdade Padre João Bagozzi. Outro tema refletido pelo professor Contreras refere-se aos "Elementos de Laudato Sí para ação evangelizadora em âmbito universitário", uma forma objetiva de abordar o ensinamento da Igreja em ambiente universitário.
Padre Danilo Pinto, da CNBB, ainda abordou o tema "Metodologia Pastoral por âmbito: IES, Diocese e Regional e Oficina de Viabilidade de Projetos", enfatizando a questão da sinodalidade da Pastoral Universitária em relação à Igreja por meio das paróquias, dioceses e regionais. Foi ressaltada também a questão de que a Pastoral universitária não concorre com a paróquia, são ambientes distintos e, portanto, metodologias de ação pastoral diferentes.
Representando a Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio), o padre Waldecir Gonzaga falou sobre "A misericórdia e a ação evangelizadora no ambiente universitário". Segundo ele, a Pastoral universitária deve ser "aberta ao diálogo", transmitir o quanto Deus é misericordioso. Momentos de oração em grupo e celebrações eucarísticas promoveram oportunidades de espiritualidade e escuta da Palavra de Deus e da partilha do Pão.
Por meio do encontro, os participantes perceberam que, apesar das dificuldades, estão caminhando de acordo com o que deseja a Igreja para esta realidade pastoral. Tanto o ISECENSA quanto a FSMA avaliam que suas ações pastorais estão alinhadas com as orientações da CNBB, mas ainda há muito o que fazer. Nesse sentido, o curso também serviu para aproximar mais ainda as instituições de ensino superior do Setor Universidades das lideranças diocesanas às quais se estão vinculados e do próprio regional Leste1. A criação de grupos em rede social, integrando os participantes do curso a nível nacional e regional são uma demonstração dessa aproximação. Nos grupos os participantes continuam as reflexões, compartilhamento de formação e informação. O ISECENSA e a FSMA, juntos e em comunhão com a CNBB, sentem-se motivados a atender esse chamado como Igreja no mundo universitário, sendo esta também uma característica de sua identidade salesiana como instituições das Filhas de Maria Auxiliadora.

1 Comentários Escrever comentário

  • IVONE Goulart Lopes05/12/2016 23:00:00Fico feliz e parabenizo as Instituicoes de Ensino Superior da Inspetoria do Rio de Janeiro por participarem desse evento. Neste perí­odo do advento faço esta prece: “Ensina-me a criar “horizontes de dentro. Ensina-me a ultrapassar a cercadura do tempo”, do livro: “Coisas Caladas” escrito por uma irmã que doou grande parte de sua vida as instituiçíµes superiores no Instituto, Ir. Olga de Sá/SP.
  • Escrever comentário