Notícia

Inaugurada a casa na MONGÓLIA

Immagine correlata a Inaugurada a casa na MONGÓLIA

No dia 7 de julho de 2016 foi inaugurada a casa das missionárias FMA na periferia de Ulaan Baatar, na Mongólia, na inspetoria "Stella Matutina" (KOR). Ir. Adriana Bricchi FMA, nos conta a breve história da obra e da sua fundação:

«30 de julho de 2016, dia esperado por anos pelas missionárias FMA na Mongólia!
Em 2007, a Inspetoria coreana "Stella Matutina" completava 50 anos. O então Núncio Apostólico da Coreia e da Mongólia, Dom G. Battista Morandini, convidava e pedia às FMA que abrissem uma missão na Mongólia.
Preparativos, expectativas, desejos de "missões"... enquanto o coração escondia as dificuldades que se delineavam, olhando esta nação não fácil sob diversos aspectos.
Mas os planos de Deus, também se têm ritmo lento, têm a direção certa com avanço constante...
E a escola materna começa em 2013 e a escola elementar segue em 2014.

Mas a comunidade não tem direito de morar nos ambientes da escola: é a lei da nação que não o permite e proíbe que se ensine catecismo nas escolas e também se usem os mesmos ambientes escolares para realizar atividades assistenciais-missionárias.
As circunstâncias exigem uma casa para isto.

Enquanto isto passam em visita as Conselheiras Gerais: Ir. Alaíde Deretti, Ir. Vilma Tallone, Ir. Lucy Rose Ozhukayil: A missão agrada a todas e a decisão é tomada: distante apenas cinco minutos a pé da escola há um terreno em condição de realizar nossos sonhos missionários.
Procura-se abrir todas as "portas": permissão do Centro do nosso Instituto, permissões burocráticas, citações, fundos necessários.
Muitas vezes os "processos" são cancelados, corrigidos, renovados, enviados de volta. Só Deus sabe a rede de tentativas, por vezes decepcionantes, humanamente incompreensíveis.
A generosidade dos Entes Assistenciais, dos benfeitores, da Inspetoria foram apoio, encorajamento, com a graça de Deus... e a casa "sonhada" é hoje realidade.

Na manhã do dia 7 de julho de 2016, com o Bispo Dom Wenceslao Padilla, a Inspetora Ir. Silvia Choi, o Delegado dos Salesianos Pe. Andreus Trung com irmãos, missionários e missionárias, a comunidade das 6 FMA na Mongólia com Ir. Adriana Bricchi, o Embaixador da Índia, as professoras da escola, amigos, benfeitores vindos da Coreia, ao todo cerca de duzentas pessoas, se unem na alegria, no agradecimento a Deus que realizou esta casa, residência das missionárias FMA, "trampolim" de bem para este maravilhoso bairro, em contínuo crescimento, periferia de Ulaan Baatar que se chama Orbit.
Esta casa bendita se chama "Nomiin Yos Center" que em língua mongol significa "Centro de Ética do Saber" (por conselho do Governo).

Sim, as 6 Missionárias FMA presentes, e aquelas que virão, ensinarão com a vida e a palavra o "verdadeiro saber", oferecendo possibilidade de crescimento a crianças e jovens do bairro, ajudando as mães, para que saibam educar bem seus filhos, compartilhando a pobreza dos vizinhos, para aproximar-se deles no melhor modo possível a Deus.
Da "Nomiin Yos Center" o olhar se alarga com alegria sobre o bairro Orbit, grandioso "jardim" de "gher" (casa típicas da Mongólia) e de casinhas graciosamente acomodadas nas molduras do grande vale, continuamente "florescendo" de pequenas moradias, berços para tantos filhos de Deus e campo prometedor para nós FMA».

1 Comentários Escrever comentário

  • Liliana05/10/2018 08:08:08...con la certezza che il Signore cammina accanto ad ognuno...
  • Escrever comentário