Notícia

Formação à pobreza evangélica

Napoli (Itália) Immagine correlata a Formação à pobreza evangélica

De 12 a 14 de fevereiro, realizou-se em Nápoles, na casa Inspetorial, na Inspetoria Nossa Sra. do Bom Conselho (IMR), o 2 encontro de formação para as FMA de 1 a 10 anos de profissão.
Acompanhadas por Pe. Mario Guariento sdb, as oito jovens irmãs, puderam aprofundar o tema da "pobreza evangélica".
A Inspetora Ir. Maria Tagliaferri tomou parte no encontro e na saudação inicial introduziu o tema do mesmo: "A pobreza sinal da gratuidade, da alegria, do amor de Deus".

Pe. Mario, durante a manhã propôs a lectio sobre o texto evangélico de Marcos 10, 17-22, com o título "O jovem rico: iludido pelos bens, perde a verdadeira vida". E à tarde ofereceu um aprofundamento do tema: "A pobreza evangélica: ser livres, oferecer a si mesmos pela bondade, atenção de amor, humilde serviço em tudo à comunidade, aos jovens".
Da reflexão se viu que o conselho evangélico "da pobreza" está na base de todos os três conselhos: não se ama se não for pobre, e não se obedece se não for humilde.

Fala Ir. Liberata Schiavello que participou do encontro: «A pobreza expande suas raízes na humildade, mas neste caminho de subida temos dois modelos a imitar: Jesus, que se despojou de tudo para se fazer servo e Maria, humilde serva como vem definida no art. 18 das nossas Constituições.
Cada vez se descobre coisas novas, também porque nós mesmas trocamos, trocam as situações, muda-se a realidade. Mais vezes Pe. Mario destacou, retomando o trecho do "jovem rico", que depois de ter sido olhado por Jesus e amado foi embora triste, que "mais se ama e mais se torna pobre", e para permanecer pobres é necessário um caminho de humildade e de amor»

2 Comentários Escrever comentário

  • Sor Ma. Luz Monroy04/03/2016 23:00:00Bendito sea Dios, que hermoso que se reunieron nuestras hermanas jòvenes. Pido para que ellas y nosotras las mayores hagamos vida el contenido .. . por el resumen es muy interesante y necesario. Me gustarí­a tener el tema de la Pobreza que reflexionaron. MIl gracias.
  • Leandra Romero Vallejo01/03/2016 23:00:00Qué bonito. Es posible acceder al contenido sobre es tema desarrollado en este curso?Cuánto bien nos harí­a!Desde ya muchas gracias.
  • Escrever comentário